Detento de Mucuri, acusado de estupro morre no pronto socorro do CPTF. Caso será investigado

Teixeira de Freitas: No fim da manhã desta terça-feira, 15 de setembro, internos da cela n° 02, do pátio B do Conjunto Penal de Teixeira de Freitas acionaram os agentes penitenciários, onde informaram que um preso estava passando mal. Os agentes providenciaram uma cadeira de rodas e o socorreu ao pronto socorro da unidade. Assim que o interno deu entrada ao centro médico, ele já não apresentava sinais vitais. A direção da unidade foi informada e o diretor, Tenente Coronel Osíris Cardoso, imediatamente informou o caso a Polícia Civil de Teixeira de Freitas.

O delegado plantonista, Manoel Andretta, se deslocou até a unidade e tomou as devidas providências. O delegado ainda solicitou a presença do Departamento de Polícia Técnica de Teixeira de Freitas e o perito Pablo Bonjardim, juntamente com o coordenador do DPT, Paulo Libório, estiveram no local, mas, como o corpo do interno estava no pronto socorro, nenhum trabalho pericial pôde ser realizado no local. O interno foi identificado como sendo José Carlos de Jesus, que é um preso provisório da Comarca de Mucuri, e que responde por crime com base no artigo 217.

O José Carlos deu entrada na unidade prisional em abril desse ano. Após os procedimentos, o delegado autorizou remoção e o corpo foi removido ao IML de Teixeira de Freitas, onde será necropsiado. A direção da unidade investigará um possível homicídio, já que o interno apresenta algumas marcas pelo corpo, e a direção suspeita que o mesmo possa ter sido espancado e posteriormente sufocado. Segundo o Coronel Osíris, será instaurado um procedimento administrativo disciplinar pelo CPTF para investigar as circunstâncias do ocorrido.

O delegado Manoel Andretta instaurou inquérito policial para apurar e investigar o caso, e já começou a ouvir os outros internos, que dividia cela com o José Carlos. Se indiciados, todos responderam por homicídio.

Por: Rafael Vedra/Liberdadenews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *