Pai e filho são acusados de crime bárbaro contra ex-paraquedista do Exército em Alcobaça

Alcobaça: No fim da tarde desta segunda-feira (09) a Polícia Civil de Alcobaça, liderada pelo delegado titular, Marco Antônio Neves, com o apoio da Polícia Militar, prenderam Carleone Almeida dos Santos e seu pai, Carlito dos Santos. Pai e filho são os principais suspeitos de serem os autores do bárbaro homicídio, cometido contra o ex-paraquedista do Exército, Alex Galdêncio Calixto Sampaio, 29 anos de idade.

Alex foi encontrado morto no interior de sua residência, localizada no Sítio Maroba, às margens da BA 001, no território de Alcobaça. O corpo foi encontrado na manhã de segunda-feira (09), com diversos cortes, possivelmente provocados um machado. A vítima ainda apresentava fraturas nos membros inferiores. O corpo ficou dilacerado com a violência dos golpes. Alex atualmente trabalhava como pescador.

Segundo informações levantadas pelo delegado, Marco Antônio Neves, no dia anterior ao crime, Alex teria ido à casa da sua irmã, que é casada com o Carleone, e quebrado diversos móveis. A Polícia Militar chegou a ser acionada, mas, não foi possível efetuar a prisão do ex-paraquedista. Há informações de que mesmo depois de toda essa confusão, o Alex teria retornado à casa do Carleone e quebrado outros eletrodomésticos.

A Polícia acredita que os assassinos tenham surpreendido seu filho, quando ele estava dormindo no sofá. Segundo o delegado, fortes indícios apontam os acusados como autores do crime. O Carleone e o Carlito já foram ouvidos pelo delegado deram versões contraditórias sobre o fato. Os dois seguem custodiados, e o delegado deverá pedir a prisão preventiva dos mesmos para dar continuidade às investigações.

Por: Rafael Vedra/Liberdadenews

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *