Vídeo: médicos e enfermeiros somem e mulher dá a luz em frente hospital

 

Cidadãos de Eunápolis ficaram chocados com o caso de desrespeito ocorrido na última sexta-feira, 13 de novembro, e divulgado por meio das redes sociais, de uma jovem que teve o bebê na porta do Hospital Regional, dentro de um carro, por não ter recebido atendimento médico.

É possível ver nas cenas divulgadas o pai bastante exaltado, após horas esperando atendimento e ninguém trouxe sequer uma cadeira de rodas para levar a gestante para a mesa de partos. Em outros momentos do vídeo as pessoas indagam se os médicos e enfermeiros estavam assistindo a uma partida de futebol entre Brasil e Argentina.

Depois de muitas reclamações, uma enfermeira vai até o parto e auxilia a mulher que já estava terminando de dá a luz a criança, sozinha. Até o momento, sabe-se que a mãe e a criança passam bem e foram liberados no domingo, 15. O pai, durante as filmagens, diz a todo o momento que irá processar o hospital pela falta de respeito, negligência e omissão de socorro.

O Hospital, entretanto, emitiu uma nota a imprensa, assinada pela diretora, Círia de Sales Padilha, que dizia “a mãe só chegou ao local, conduzida pelo marido, três horas após o início do trabalho de parto”, o que até então não justifica o fato de terem negado socorro.

Sobre o fato de não receberem atendimento médico, a diretora diz que o obstetra plantonista estaria realizando outro parto naquele momento. Ainda colocou na nota que a mãe é multigesta, e estava na sexta gravidez, sendo um dos motivos do parto evoluir com maior rapidez.

Por Sulbahianews/Petrina Nunes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *